A Democracia cheira a livros queimados

Livrarias que só vendam livros têm de permanecer encerradas. Mais uma lei incompreensível para mais um confinamento injustificável.
Mais uma vez, são os pequenos comerciantes que se vêm desprotegidos perante a concorrência dos grandes. O resultado será o encerramento de espaços que permitiam que outro pensamento que não o oficial floresça.